Neverland não não também não

segunda-feira, 3 de outubro de 2016

Conclusão da #TBRemCacos

   O nome da maratona fez jus à minha TBR. Dos três livros selecionados, apenas um foi concluído. Maaaas, acabei inserindo algo novo no meios das leituras que pode dar uma nova cara às resenhas que posto aqui. Então, vamos à conclusão.
Resultado de imagem para nas noites árabes

Nas Noites Árabes
  E justamente o livro que eu não sabia sobre o que se tratava e que ninguém falava sobre, foi o que eu concluí e que mais me agradou. Abordando inúmeras histórias e a importância da oralidade, o livro me conquistou absurdamente. As histórias árabes são carregadas de simbolismos e lições cativantes, mostram que o oriental tem muito a oferecer. Não dou apenas cinco estrelas, mas todas as estrelas do céu, pois que inúmeras se mostraram para mim através de suas lições.

A Sociedade do Espetáculo
  Consegui passar da metade dele e ainda estou tentando articular boas maneiras de sugar dele o máximo possível.

O Retorno do Rei
  Esse foi o que menos avancei. O último livro da trilogia de O Senhor dos Anéis tem um clima de guerra mais pesado e me tirou o ritmo dos outros dois livros. Creio que ainda devo demorar um pouco mais para termina-lo.

Resultado de imagem para a piada mortalExtras
   A grande novidade da maratona foi a inclusão de HQ's de Super Heróis (ou anti heróis?). A primeira história lida foi A Piada Mortal, um clássico das comics do Batman que conta a origem de seu principal inimigo: O Coringa. A narrativa contém nuances argumentativas que fazem o leitor passar de um lado para o outro em questão de quadros. Como estou entrando agora no "ramo dos quadrinhos" minhas resenhas serão bem simplificadas e mais focada na história e aura dos acontecimentos do que da própria arte e produção em si.
  O outro que li foi Batman: O Cavaleiro das Trevas Mais Densas. Acredito que cometi um erro ao ler essa história agora que, pela minha interpretação, seria um outro universo (?) corrijam-me se eu estiver errada. Acho até que se eu der a sinopse dessa história acabo entregando tudo, é muito inesperado. Tive a sensação também de que tudo acontece muito rápido, talvez porque eu ainda esteja me acostumando ao ritmo dos quadrinhos. Enfim, esta edição já não me agradou tanto.
  Por último, li A Agenda Secreta da Arlequina onde a vilã/nova anti-heroína da DC mostra seu fascínio pela figura da Mulher Maravilha e planeja toda uma trama para se aproximar da amazona. O clima das histórias da Arlequina é muito mais colorido e divertido. É puro entretenimento.

  Então, por essa maratona de uma semana foi isso. Espero que ela tenha sido produtiva para você caso tenha participado. E, ah, se tiver recomendações de quadrinhos para quem está começando, não deixe de deixar a sugestão nos comentários. :)

0 comentários:

Postar um comentário

Popular Posts

Quem sou eu

Minha foto
Universitária, leitora ávida, autora nos tempos vagos, amante das artes.
Tecnologia do Blogger.